Aguardo

Tânia Ailene

 

 

Em todas as estações, ainda aguardo sua chegada,

não desejo mais ter meu corpo gelado,

mãos vazias, olhar perdido no passado,

onde tudo era, primavera floreada e sorrisos.

Hoje necessito da voz tranqüila, que embala,

do entrosamento sem fala,

parceria que revela, o quanto sinto.

Carece você para me ouvir, festejar,

até mesmo me fazer crer;

Eu não vivo sem você!

Despertar ouvindo pássaros cantar

flores desabrochando, mar em bonança,

vento que trás seu sussurro,

palavras que ainda ouço...

Quero você!

 

26/08/2008

Rio de Janeiro

 

 

 

 

Meu Tesouro!
Tânia Ailene

Minha emoção ao ver-te acordar
satisfação a encantar-me
um abraço na felicidade
Ao perceber seu olhar...
Expresso seu sentimento...Ama-me!

Pirata dos meus devaneios,

salteador do meu coração,

saqueou meu pensar,

hoje sou refém do seu amor...

Nessa excursão de felicidade

quero-te à fascinar.

Preservo como um tesouro

não de ouro ou pedras,

mas o maior que a vida deu-me.

Um homem lindo,

essência generosa,

uma história para vivermos unidos...

No cofre de prendas preciosas.

Tenho você!

 

 

 

 

 

É amor! Eu e você... Nós... Uno!

Olhos procuram-se na multidão urgente
Arrepios e corpos estremecem
Mãos que entrelaçam quentes
Bocas se procuram ardentes...
Aguardado, dia que inicia felicidade
Iguarias nos poros extasiados
Respiração ritmada, passos que agora percorrem
Ao favor do tempo... É amor!
Na pele química já profanada
Tatuado coração em flamas
Caminhos que nos conduzem as estrelas
Devorados seremos pelo sentimento
Ultrapassa distância
No receber um quero mais
Fascina gemidos e sussurros...
Olhos dominam alma desnuda
Expressões no ar com anseios
Par nesta vida de procura
Temos um ao outro em mãos
Venha ser o infinito do prazer...
Onde repousa os sonhos
Habita nossa percepção
Sucessivamente , luz, ação, tesão,paixão...
Estamos apaixonados, na cumplicidade alcançada,
Intimidade revelada, meu homem, sua mulher...
É amor!
Hoje somos
Eu e você... Nós... Uno!
Te amo.

Tânia Ailene