Há um longo tempo...

Nídia Vargas Potsch



Todo ser vivo possui

seu conto de fadas.

Acredita que seu amor

é para sempre.

E que nada irá mudar isso...


Na mansidão silente

dessas águas azuis e serenas,

que acalma nosso espírito

da vertigem das mudanças

e à sombra da frondosa árvore

que nos resguarda fortemente,

instigando sonhos em nosso coração,

Ouço a sinfonia da Natureza,

pego minha dourada pena

e versejo de amor... pra você...

numa linda canção.


E nessa historia de amor poetizada

coloco minha ardente paixão à mostra

Talvez o vento a leve até você...


@Mensageir@

Rio, 21/07/2012





Véus de Seda...
Nídia Vargas Potsch


Navegando em sonhos
num contínuo voltear de emoções,
desejos se mesclam camuflados,
iludindo os ponteiros do relógio,
desnudando os devaneios,
até o debruçar do crepúsculo
em ternas e coloridas nuances.

No teu fictício abraço sinto a alquimia
do desejo insatisfeito, premente,
da volúpia do querer, onde me refugio,
tentando entre o real e o imaginário,
perceber-te plenamente, inteiro, só para mim...

Este clarão se deixa seduzir num impulso
sustentado pela magnitude desta paixão.
Na vertente primeira dos encantamentos

que poderia haver onde lembranças voluptuosas
querem aplacar esta candura sedutora... se deixar levar...

Não há âncoras na vitrine da Existência.

Véus almiscarados da madrugada
encobrem as vestes de seda, os pensamentos,

trincam a pena dourada das inúteis palavras,
avivam sedutoras vontades, quereres incalculáveis,
sustentando a imagem peculiar
que irrompe no garimpar das vibrações,
em constantes cambalhotas da imaginação
férteis em ardentes desejos
cujos ingredientes se realimentam por si só...

e terminam sempre em ti!

@Mensageir@
Rio, 13/08/2011



Decepções e Sofrimentos
Nídia Vargas Potsch
(indriso)


Sofre-se muito com as decepções
Mas talvez por esperar demais do próximo.
Quando o agir e o livre arbítrio podem ser nossos.

O sofrimento advindo de um desapontamento
Por magoá-lo demais, dói profundamente o coração.
Cabe a nós revermos conceitos para superar as dores...

Mágoa que silente corrói a alma, deve ser repensada...

Aperfeiçoar o espírito é atravessar os pesadelos!

@Mensageir@
Rio, 12/08/2010