Alma Vazia
 
Sem sentimentos,
morre um pouco a cada dia,
minh'alma vazia...
 
Precisa livrar-se do sofrimento,
encher-se de alegria,
para perpetuar-se na poesia.

Se nada resta numa alma vazia...
Não sentiremos da vida a magia.

Ilze Soares

 

 

Quem sabe...

Ilze Soares

Quem sabe um dia, você possa enxergar,
tudo o que meus olhos possam falar...
Quem sabe um dia,você possa entender,
o que meu coração quer lhe dizer...
Quem sabe um dia,você possa mergulhar
na imensidão do meu ser...
Talvez,então,consiga compreender,
como é grande o amor que sinto por você.
Quando esse dia chegar,de nada se arrependa.
Nem mesmo das vezes que me fez chorar,
de tristeza ou de emoção...
Pois a você entreguei meu coração,
numa bandeja de flores...
Com você experimentei todos os sabores,
senti todos os calores,
que esse amor pode me dar.
Pra mim,não existe talvez...
Repetiria tudo outra vez.

 

 

Lembranças

Ilze Soares

 Brincadeiras...Folguedos de crianças...
Pirassununga, cidade da família,
das reuniões inúmeras, da alegria
entre a primarada
correndo pelas calçadas...
Carrinho de rolimã, joelho machucado,
árvores frutíferas a serem escaladas...
À tarde, deliciosas merendas,
bolos, biscoitos, pães
e muito, muito leite puro, integral,
sem pasteurização, que nunca fez mal...
Hoje, tanto tempo passado,
escrevo com saudades, as lembranças
deste lindo tempo de criança